Mercado Digital: 7 profissões da área com alta demanda no país

Mercado Digital: 7 profissões da área com alta demanda no país. O mercado digital foi potencializado pela pandemia, de modo que hoje as profissões da área contam com grande procura. Saiba mais. 

Não é uma novidade que o mercado de trabalho vem se atualizando cada vez mais, para acompanhar os diversos avanços tecnológicos ocorridos ao longo dos anos.  Neste contexto, é comum que haja o surgimento de novas profissões, bem como a ampliação de atividades ligadas ao mundo digital. 

Ademais, a pandemia global da covid-19 que impactou a economia mundial nos últimos dois anos, somente deu força ao mercado digital. Isto ocorreu, pois, em grande parte não houve escolha, a não ser adaptar o trabalho para o modelo remoto, frente às medidas de distanciamento social. 

Diante de tais conjunturas, o mercado digital permanece em constante crescimento, sendo, hoje, uma das áreas mais promissoras para desejar construir uma carreira e evoluir profissionalmente.Caso você esteja interessado continue sua leitura e veja algumas profissões com alta demanda relacionada a área.

7 profissões do mercado digital em alta 

É possível que você já tenha ouvido falar de alguns destes empregos, todavia, outras podem ser uma total novidade. Enfim, se atualize e esteja por dentro do tema. 

  1. Gestor de tráfego:  atualmente, o setor publicitário está cada vez mais direcionado aos meios online, de modo que, hoje, uma das maneiras mais eficazes de divulgar um serviço ou produto é comprando tráfego. Em suma, um gestor de tráfego é um especialista em produzir e gerir estratégias ligadas a anúncios na internet. Este profissional tem um leque bem grande de atuação que vai desde de o e-commerce até a atuação em grandes empresas, trabalhando com Links patrocinados, redes display, entre outros. A média salarial desses profissionais no Brasil, está em R$ 2.513,00;    
  2. Especialista em IA: profissionais devidamente capacitados para trabalhar com IA (Inteligência Artificial), são trabalhadores de alta demanda no mercado atual, até porque, a ferramenta é essencial para a manutenção da internet. Se especializar em IA garante um vasto campo de atuação, na área que abrange o setor de ciências da computação; 
  3. Profissionais de Saúde Mental: não é de hoje que a demanda por psicólogos, psiquiatras dentre outros profissionais que tratam da saúde mental, vem crescendo. A procura aumenta, quando trata-se de trabalhadores capacitados para garantir esse cuidado, dentro e fora das empresas; 
  4. Gestor de mídias sociais: outra profissão com grande procura, é aquela relacionada ao profissional cuja função é gerenciar as redes ou canais online de pessoas ou empresas. Para ser um gestor de mídias sociais, é preciso estar imerso na cultura digital, além de ser um comunicador criativo. No Brasil, trabalhadores nessa área costumam ganhar em média R$ 3.112,00; 
  5. Copywriter: sendo um profissional atuante na área de marketing digital, sua função, basicamente consiste em produzir textos capazes de promover uma marca, serviço ou produto. O copy, como também é chamado, deve ser estratégico e persuasivo no exercício de sua função. A média salarial nacional destes trabalhadores é de R$ 4.000; 
  6. Especialista em e-commerce: o comércio virtual foi um dos setores do mercado que mais cresceu no país nos últimos dois anos. Por se tratar de uma área em expansão, é necessário cada vez mais trabalhadores especializados, para permitir que o setor continue avançando. Em resposta a grande demanda, este profissional, hoje, ganha em média R$ 5.231; 
  7. Analista SEO: por fim, este profissional também atrelado, de certa forma, ao marketing digital, tem como principal função otimizar página na web, ou seja, desenvolver estratégias para que determinado site cresça, à medida que tem mais acessos. O setor é ligado a formação de profissionais do TI (Tecnologias da Informação), e recebe esse nome, pois significa Search Engine Optimization (SEO)  que traduzido vira Otimização dos Mecanismos de Busca. Um analista SEO, ganha, em média, R$ 2.578 no Brasil.

Fonte: Jornal Contábil

Para mais informações clique aqui

COMPARTILHAR

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
Linkedin
Share on pinterest
Pinterest

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

5 × dois =